terça-feira, 5 de janeiro de 2010

Ano Novo

às 21:51
Reações: 
0 comentários Links para esta postagem
2010!!


Quem diria que chegaria a segunda década dos anos dois mil e não estaríamos vivendo como a família Jatsons. Pois podem me chamar de louca, mas na real sempre imaginei as casas lá no alto e os carros sobrevoando naturalmente entre uma "rua e outra".


Até que seria legal...


Agora falando sério, esse ano que passou deixou muitas marcas, umas fortes outras suaves, e a principal delas foi a nova família que ganhei. Uma família que ama estar juntinha, fazer as coisas acontecerem, darem certo.

Algumas pessoas dessa família cozinham, outras lavam louça, algumas assam, outras preparam a mesa. Umas tocam violão, outras cantam, e algumas até dançam.

As pessoas dessa família cuidam umas das outras, outras tapam brechas e umas consolam.

As pessoas dessa família têm por dom maior amar uns aos outros como amam a si próprias, ela têm um grande Pai que cuida delas e principalmente, educa elas, ensinando sempre o que é certo e nunca o que é mais fácil.

As pessoas dessa família não são perfeitas, mas sempre tentam ser. É que nessa família há um membro que sempre foi perfeito. Ele é o irmão mais velho delas e um dia incrívelmente decidiu dar a vida por essas pessoas.

Na verdade essa família nunca teve a mesma mãe, alguns membros até têm, mas todos, de forma alguma a têm. Mas o Pai, ah o Pai... Esse sim é o mesmo! - Não! Não estou falando do pai biológico, falo de um Pai que têm a idade da eternidade, de um Pai que fez de tudo o que é bom e é uma pessoa que eu não seria capaz de descrever em nenhum texto, de tamanha grandeza que Ele é.


O que quero dizer é que em 2009, achei um tesouro e não é prata, nem ouro, nem mesmo diamante... É o AMOR...


Ah 2010...


Pode vir sem medo, eu estou esperando por bençãos maiores que essa, mesmo sabendo que será muito difícil bater essa conquista.


Meu coração está alegre, cheio de esperança de um mundo novo, cheio de Amor, ou seja, cheio de Deus...































 

Andando na Luz Copyright © 2012 Design by Antonia Sundrani Vinte e poucos